fbpx
“INTERPRETAR” é para a vida toda!

“INTERPRETAR” é para a vida toda!

Quem nunca precisou Interpretar ao menos uma vez na vida que se atire na primeira cena!

Ao contrário do que muitos imaginam, “Interpretar” não é uma escolha e sim uma forma de comunicação primária.

Sim, isso mesmo, todos nós já interpretamos um dia e isso acontece já na nossa primeira semana de vida. A mãe identifica a fome de um filho quando ele interpreta a sua necessidade através do choro.

Seguindo essa máxima, podemos deduzir que tudo a nossa volta depende da nossa atuação para que levemos ao outro um sentimento de empatia através dessa mesma interpretação.

Deixemos a interpretação primária no berço e sigamos na nossa lida do dia a dia, interpretar não faz de você uma pessoa não verdadeira, pelo contrário, faz com que você tenha cuidado, cautela e pense antes de dirigir-se a alguém (Isso é para vida toda).

Parece simples a profissão do ator, porém antes mesmo de falarmos sobre ela, se faz necessário entender o que é interpretar no seu dia a dia.

Não importa se o nosso dia não foi um dos melhores, a educação nos coloca em um lugar de interpretação que precisamos sorrir mesmo quando estamos tristes.

Basicamente interpretamos o dia inteiro, assim como na vida de um ator profissional precisamos fazê-lo sem medo de ser feliz.

 

A necessidade da “interpretação”.

A interpretação é necessária em qualquer profissão, a diferença é que o ator utiliza de recursos/técnicas para chegar ao ápice de um personagem.

Se um professor não interpretar na sua aula os seus alunos ficarão desmotivados, se um advogado não for convincente em uma audiência o seu cliente pode ser prejudicado.

Como eu havia dito: Interpretar é para vida toda.

Nas relações de afetos (Amizades, namoros e casamentos) não são diferentes, estas então precisam de uma interpretação primorosa, afinal, precisamos fazer com que o outro entenda o nosso ponto de vista (Muitas das vezes, uma verdade) sem magoá-lo. Isto é ou não é uma interpretação?

Até mesmo quando precisamos dar uma má notícia para alguém, nós ensaiamos várias maneiras de iniciar o assunto sem que ele fique pesado.

A influência da interpretação

Dependendo da interpretação de um líder político, pode-se unir nações ou iniciar-se uma guerra, neste campo,
não posso deixar de mencionar Irena Sendler que foi responsável por salvar mais de 2.500 crianças da segunda guerra mundial,
transportando-as para fora do campo de concentração em cestos de lixo ou ferramentas.

Vale ressaltar que ela treinou o cão que a acompanhava para latir (Interpretar) toda vez que alguma criança chorava. O latido do animal gerava uma reação em cadeia nos cães nazistas
fazendo com que todos eles latissem ao mesmo tempo e ela conseguisse passar, mesmo com as crianças chorando.

Esta história emociona simplesmente pela sua narrativa, mas fico imaginando o quanto essa grande
mulher precisou Interpretar para que pudesse realizar este feito.

Depois dessa história vimos que interpretar é algo inerente ao ser vivo.

Sendo você um ator profissional ou não, a dica é simples:
Faça valer a pena cada expressão que saia do seu corpo ou qualquer texto que saia da sua boca.

A sua Interpretação pode salvar vidas.

 

Alberto Sena é diretor, roteirista e produtor.

Começou no teatro como ator e em seguida foi trabalhar no
cinema onde já escreveu e produziu alguns trabalhos importantes para sua carreira.

Alberto é nascido em São Gonçalo onde foi o idealizador e curador do Cine Tamoio – Festival de Cinema
da sua cidade natal,
que em 2018 estará na sua 3° edição.

Fechar Menu